A felicidade autêntica!

image

A mente tem um tremendo poder sobre o corpo; se uma ideia se
apodera da mente, ela afeta o corpo e produz as correspondentes mudanças em todo o sistema. A mesma mente que tinha prazer em certas coisas em determinada época chega a detestá-las só de vê-las, se novas ideias penetram nela. Por exemplo, a carne é muito agradável para os que estão acostumados a comê-la e pensam que é o alimento apropriado para eles; mas se descobrem os nobres princípios em que se baseia a dieta vegetariana e a adotam, não poderão suportar nem o odor da carne, que lhes causará náusea; seu estômago se recusará a digerir a carne, que lhes pode produzir mal estar e sofrimento. Portanto, podemos dizer que não existe nada no universo que seja fonte de absoluto prazer ou absoluta dor para todos os indivíduos, ou que sequer possa agradar sempre a uma mesma pessoa. Os que buscam prazer nos objetos sensórios não podem gozar de uma mesma coisa todo o tempo. Se tentam fazê-lo dia após dia, logo se fartarão; a saciedade será o resultado inevitável, e com a saciedade cessará o interesse.
    Imaginemos que uma senhora muito apaixonada por ópera, escute constantemente, dia e noite, a mesma ópera, sem ouvir ou fazer outra coisa; seguramente que em poucos dias ficará farta. A constante mudança dos objetos de gozo é absolutamente necessária para aqueles que buscam o prazer no mundo exterior. É por essa razão que a maioria dos pobres que não podem ter uma grande variedade de prazeres, se enganam pensando que a riqueza poderia trazer-lhes tudo o que desejam e invejam os que possuem grandes fortunas, crendo ingenuamente que os ricos devem ser sempre felizes. Deste modo, ocorre frequentemente que nem sequer podem desfrutar dos prazeres que têm a seu alcance e convertem a sua vida em uma carga muito pesada. Não conseguem entender que os ricos têm suas próprias tribulações, que frequentemente são tão insuportáveis como os males da pobreza. A verdade é que a felicidade autêntica só pertence a quem pode controlar sua própria mente. A prática de autodomínio seria uma grande benção para todas as pessoas que se sentem infelizes; faria suas vidas mais felizes e mais dignas de serem vividas.

– Swami Abhedananda

Sejam autenticamente felizes!

Namastê 🙏

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s